Paróquia São João Batista - Fátima
 
Notícias em Geral
 
29
Jun
Casal brasileiro fala da expectativa para o Encontro Mundial das Famílias

Em 29/06/2018

Casal brasileiro fala da expectativa para o Encontro Mundial das Famílias

Com a proximidade do Encontro Mundial das Famílias, cresce a expectativa de famílias do mundo inteiro que se preparam para encontrar o Papa Francisco na Irlanda. O evento acontecerá entre os dias 21 e 26 de agosto na cidade de Dublin, e já conta com mais de 30 mil participantes inscritos, representando 103 países.


Do Brasil, um dos casais participantes será Cristiane Marson de Brito e Luiz Antonio Perrone Ferreira de Brito, que irão representar o movimento Equipes de Nossa Senhora.


O Movimento, reconhecido pelo Vaticano em 2002, foi fundado em 1938 pelo padre Henri Caffarel, atualmente em processo de canonização em Roma. Os equipistas, como são conhecidos, possuem uma pedagogia para ajudar os casais a viverem a espiritualidade conjugal como meio para se chegar à santidade. Atualmente, cerca de 140 mil pessoas no mundo fazem parte do movimento e 54.200 no Brasil.


Em 2014, os responsáveis pelos equipistas no Brasil, Arturo e Hermelinda Zamperlini, deram seu testemunho no Sínodo dos Bispos sobre família.


Presença no Encontro Mundial das Famílias


Cristiane e Luiz Brito irão participar, pela segunda vez, do Encontro Mundial das Famílias. A primeira foi em 2015, na Filadélfia, quando ficaram impressionados com a dimensão do evento, com a presença de vários bispos, representantes da Igreja e as inúmeras famílias.


“Conhecemos uma família de canadenses com oito filhos, todos juntos todos os dias participando de todo o Encontro. Diariamente íamos de trem para o local do Encontro com uma família americana com quatro filhos pequenos, carrinho, mamadeira, o mais velho ajudando os pais a tomar conta dos menores, e participando ativamente do Encontro”, relembra Cristiane.


Dentro dos equipistas, o casal é responsável pela Comunicação Externa da Super Região Brasil, e além de representar o movimento na Irlanda, terá a responsabilidade de repassar o conteúdo para os outros membros do Brasil através de palestras e, durante seis meses, pela Carta Mensal, veículo de comunicação do movimento, que fica disponível no site: www.ens.org.br.


“As Equipes de Nossa Senhora caminham em sintonia com a Igreja, de maneira que todos os assuntos abordados no Encontro sobre a família são de extrema importância para o movimento, e este é o motivo do movimento no Brasil enviar um representante”, explicou.


Cristiane destaca que outros equipistas participarão do evento, como é o caso dos casais do movimento local, da Irlanda e Inglaterra, que estão envolvidos na organização do Encontro Mundial das Famílias. Segundo ela, também deverá ter um stand do movimento, como ocorreu na Filadélfia.


Formação da família


A família está no centro da atenção da Igreja Católica, que entre 2014 e 2015 realizou um Sínodo dos Bispos específico sobre a família. Além disso, inúmeros documentos dos Papas iluminam a vivência dos casais cristãos diante dos desafios atuais. 


“Hoje as famílias de uma forma geral, e principalmente as com formação cristã, são influenciadas pela sociedade que de uma certa forma contesta os princípios cristãos do matrimônio e da geração e educação dos filhos. A exortação apostólica Pós-sinodal Amoris-Laetitia faz um excelente reflexão sobre o assunto e mostra os diversos caminhos a seguir. O grande desafio é fazer chegar as orientações da Igreja a todos e vemos aí o importante papel das pastorais e nos meios de comunicação católicos nesta missão”, aponta Cristiane.


Missão das Equipes de Nossa Senhora


“As Equipes de Nossa Senhora têm por objetivo essencial ajudar os casais a caminhar para a santidade, nem mais nem menos. Essa frase do Padre Henri Caffarel está em nossos estatutos e define bem como trabalhamos”, explica Cristiane.


Como forma de realizar isso, o movimento investe na formação dos casais equipistas. Os mais de 54 mil membros do Brasil estudam anualmente um documento atual da Igreja e também têm formações específicas voltadas para a família, seja com documentos ou catequeses do Papa, seja com escritos do fundador do movimento sobre o assunto.


“Não é uma formação intelectual, mas uma formação que ajuda a todos entender e viver o real significado do matrimônio e da família, ajuda a entender o profundo sentido da oração e, principalmente, entender o que nosso cônjuge espera de nós”, explica.


Cristiane destaca que as Equipes de Nossa Senhora não são um movimento de ação pastoral, mas sim de formação de casais. E nesse contexto, cada casal tem como missão a ação pastoral no local onde vive, sua família, trabalho e paróquia.


“Estima-se que cerca de 17.500 casais equipistas estão inseridos em atividades pastorais, principalmente na Pastoral Familiar, de forma que toda a formação oferecida aos casais é um serviço prestado à Igreja”, aponta.


A espiritualidade conjugal foi recentemente abordada na exortação apostólica Pós-sinodal Amoris Laetitia, mas Cristiane lembra que as Equipes falam disso há mais de 70 anos. “Em princípio é uma forma de crescimento do casal, mas com profundos reflexos na vida familiar, consequência da busca da santidade”.


Para ela, um dos frutos são as Equipes Jovens de Nossa Senhora, fundado inicialmente pelos filhos dos casais equipistas, mas que hoje é aberto a todos. No dia 24 de julho, cerca de 400 jovens de todo o mundo se reunirão em Pindamonhangaba (SP) para o encontro internacional jovem do Movimento.


Fonte: Canção Nova

Compartilhe está Notícia
Indique a um amigo
 
 
Paróquia São João Batista - Fátima
Rua Miosotis, 145 - Fátima - Joinville/SC
(47) 3436-3997 paroquia@saojoaobatistadofatima.com.br

Copyright © 2018 Paróquia São João Batista - Fátima . Todos os direitos reservados.